Chá, além de uma simples tradição

Proveniente da cultura chinesa ancestral, o chá é uma das bebidas mais populares da atualidade. Estima-se que mais da metade da população consome diariamente esta bebida, famosa por seus inúmeros benefícios ao nosso corpo, mente e alma.

Camelia Sinensis é o nome da planta da qual se obtém o tradicional Chá Verde. Porém, a partir dele também podem ser obtidas outras variantes como o Chá Preto, Oolong e Pu-erh. É necessário verificar o estado em que se encontram as folhas e talos na hora da colheita para então submetê-las a um tratamento específico que irá resultar nestas variantes.

Propriedades e benefícios do chá

Um dos principais benefícios do chá está na presença dos famosos antioxidantes, que nos permitem retardar o processo de envelhecimento e também nos ajudam na regeneração e recuperação das células. Há diversos estudos em áreas da saúde que correlacionam a ingestão de chás com a prevenção de uma série de doenças como o câncer e também a diabetes.*

Os benefícios são inúmeros: há varias menções na literatura que destacam o alto teor de Vitamina H e Flavonóides como fatores que auxiliam e fortalecem nosso sistema imune, permitindo assim o correto funcionamento das defesas naturais de nosso corpo. Além disso, sabe-se hoje que consumir chá todos os dias reduz a chance de sofrer um ataque cardíaco, diminui a formação de coágulos sanguíneos e também a pressão arterial.*

Vale lembrar que os benefícios atribuídos ao chá estão associados ao seu modo de consumo, logo, devemos sempre levar em consideração uma série de fatores. Um deles, muito importante, consiste no tipo de adoçante a ser utilizado. Sabe-se hoje que para aprimorar a qualidade de vida é imprescindível optar por alternativas ao açúcar refinado, como por exemplo, o açúcar demerara ou açúcar mascavo. Além disso, verificar a procedência dos ingredientes de seu chá é também uma boa prática!

Há muitas variedades de chás, dentre as quais cabe destacar o famoso chá verde. Esta variedade é obtida a partir de folhas não fermentadas que naturalmente possuem baixos níveis de teína. O Chá verde, por outro lado, contém alto teor de vitaminas A, C e E além de possuir um tipo de antioxidantes capazes de estimular o funcionamento da memória, protegendo o cérebro do desenvolvimento de doenças similares ao Alzheimer.*

Em contrapartida, o chá preto deriva-se de folhas oxidadas. Uma vez feita a colheita das folhas, o processo de oxidação promove alteração na cor da folhagem, alternando os tons verdes para preto. Ele é considerado um poderoso antioxidante e também é reconhecido como um importante remédio natural adstringente, sendo muito benéfico em caso de transtornos gastrointestinais.

Além dos múltiplos benefícios já citados cabe destacar que os taninos presentes no chá contribuem com o flúor natural, protegendo o esmalte dental e impedindo a proliferação da placa bacteriana nos dentes.
• Referências

http://www.beauty-review.nl/wp-content/uploads/2014/06/Protective-activity-of-green-tea-against-free-radical-and-glucose-mediated-protein-damage.pdf
https://www.cancer.gov/about-cancer/causes-prevention/risk/diet/tea-fact-sheet
http://www.diabetes.co.uk/food/tea-and-diabetes.html
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24071782
https://alzheimersnewstoday.com/2017/03/20/drinking-tea-may-boost-cognition-ward-off-dementia-singapore-study-suggests/